Arquivo de agosto 31America/Sao_Paulo 2021

Prefeita e secretários de Japeri se reúnem com diretores da Águas do Rio para conhecerem o plano de investimento para o município

Postado por aguasdorio em 31/ago/2021 - Sem Comentários

concessionária vai investir mais de R$ 315 milhões nos próximos em cinco anos em água e esgoto

 

O município de Japeri, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, vai ser um dos primeiros a ser beneficiado com a implantação do sistema de esgotamento sanitário no modelo separador absoluto, onde esgoto e drenagem pluvial (água da chuva) correm por redes separadas.

Esse sistema será construído por Águas do Rio nos próximos cinco anos e Japeri vai colocar fim ao lançamento de esgoto sem tratamento no Rio Guandu, principal fonte de captação de água para abastecimento do Grande Rio.

Esse foi um dos temas apresentados nesta terça-feira (31) pelos representantes da concessionária aos secretários da administração municipal para um alinhamento das ações que serão iniciadas assim que a Águas do Rio estiver em operação plena.

Além de Japeri, a cidade vizinha, Queimados, também passará pelo mesmo processo de transformação da situação atual do esgoto.

“O esgoto gerado nessas duas cidades e em uma área de Nova Iguaçu, que terá coletores implantados no trecho ao redor do Guandu, será transportado por um sistema de bombeamento até as estações de tratamento para só então retornar à natureza dentro dos padrões de qualidade. Dessa forma, daremos a nossa contribuição para a recuperação ambiental da Bacia do Rio Guandu. A empresa também investirá no sistema de distribuição de água para regularizar o fornecimento de água tratada para a população”, explica Luiz Fabbriani, superintendente de Águas do Rio.

A prefeita de Japeri, Dra. Fernanda Ontivetos, e os secretários municipais de Obras, Francisco Nacélio, e de Urbanismo e Serviços Públicos, Gustavo Maurício, apresentaram um mapa com as indicações de áreas prioritárias no abastecimento de água, como unidades de saúde e educacionais.

“Sabemos dos problemas enfrentados pela nossa população no que se refere ao saneamento básico, principalmente a falta d’água. Em muitos bairros que passei durante a campanha, no ano passado, esse era um dos pedidos que eu mais ouvia que fossem resolvidos. Estamos caminhando para que isso seja solucionado”, disse a prefeita Dra. Fernanda Ontiveros.

Nos próximos cinco anos, a concessionária vai investir em torno de R$ 315 milhões para a melhoria do abastecimento de água e para implantação do sistema de esgoto.

“Como determina o Contrato de Concessão, Águas do Rio está atuando nesse momento em operação assistida, acompanhando as operações realizadas pela Cedae. Assim que a empresa assumir a operação plena, iniciaremos a implantação do esgotamento sanitário em Japeri, incluindo estações de tratamento e de bombeamento, e a recuperação da infraestrutura de água. Nós conversamos com o governo municipal para que seja feito um alinhamento do calendário de obras na cidade, para otimização de recursos e serviços”, ressalta Vitor Hugo Gabriel, diretor executivo da Águas do Rio na região.

“Seguimos trabalhando para conseguir solucionar os problemas que assolam nossa cidade o quanto antes. Temos pressa em resolver o problema da água em Japeri e estamos tomando os caminhos necessários para isso”, conclui o secretário de Obras, Francisco Nacélio.

 

 

Águas do Rio doa mais de 2 mil itens para enfrentamento à Covid-19 em São Gonçalo

Postado por aguasdorio em 30/ago/2021 - Sem Comentários

Iniciativa integra o Movimento Unidos Pela Vacina, em apoio às ações de imunização.

 

Mais saúde e qualidade de vida para a população. Este é o compromisso da Águas do Rio, que irá assumir os serviços de água e esgoto na cidade de São Gonçalo e em outros 26 municípios do estado. Enquanto está em operação assistida, acompanhando os serviços da Cedae para alinhamento do planejamento estratégico, Águas do Rio já atua em benefício da população residente em sua área de concessão com a doação de insumos para o combate a pandemia da Covid-19.

Na manhã desta segunda-feira (30/8), o diretor superintendente da nova concessionária para a região de São Gonçalo, Itaboraí, Paquetá e Maricá, Sérgio Braga, esteve em São Gonçalo para assinatura do termo de doação ao município de 2.312 itens, entre eles 12 geladeiras, 2 freezers, 50 termômetros para caixa térmica, além de luvas, caixas de descarte de perfurocortantes com suporte e lixeiras. Os donativos foram entregues no Polo Sanitário Washington Luiz, na praça Zé do Garoto.

Sergio Braga ao lado de Rafael Fendrich e do Secretário de Saúde, André Vargas

“Nossa empresa tem um foco de atuação voltado para a população mais vulnerável, afinal saneamento é sinônimo de saúde. É uma alegria podermos chegar ao município de São Gonçalo contribuindo com a vacinação contra a Covid-19. Temos certeza de que estes insumos vão acelerar o processo de imunização na cidade”, afirmou o diretor superintendente da Águas do Rio para a região, Sérgio Braga.

Além de São Gonçalo, outros municípios têm sido contemplados com doações da Águas do Rio, como parte do Movimento Unidos Pela Vacina. Na última semana, entregas foram realizadas em Rio Bonito, Cantagalo, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, São Sebastião do Alto, Itaocara e São Francisco de Itabapoana.

“Nós, de São Gonçalo estamos muito felizes com esta doação da Águas do Rio, que será muito importante para intensificar a ampliação da vacinação contra a Covid-19. Além disso, estamos recebendo a Águas do Rio de braços abertos. Reconhecemos a importância de sua chegada para investimento em melhorias no serviço de abastecimento de água e tratamento do esgoto, permitindo que este acesso chegue em localidades que hoje não há, beneficiando muito nossa população”, ressaltou o prefeito de São Gonçalo, Capitão Nelson.

“É fundamental esta parceria entre governo, Águas do Rio e sociedade civil organizada. Nossa população precisa de toda a atenção possível e nem sempre o orçamento público é o suficiente. Este trabalho em conjunto é importantíssimo”, celebrou o secretário de saúde e defesa civil de São Gonçalo, André Vargas.

O movimento Unidos pela Vacina tem como objetivo tornar viável a vacinação de toda a população brasileira em idade adulta até setembro de 2021. Criado pela presidente do Grupo Mulheres do Brasil, Luiza Helena Trajano, o movimento conta com participação de mais de 4.000 pessoas entre artistas, cientistas, empresários e representantes de comunidades, entidades setoriais e da sociedade civil e 90 mil voluntárias, potencializando suas forças e vozes em benefício da imunização da população. Mais informações em: https://www.unidospelavacina.org

“Estas doações fazem muita diferença. Além de dar visibilidade ao movimento e divulgar a importância de todos se vacinarem, ajuda a levar a imunização para a população mais carente, que tem dificuldade até para ir até os postos de vacinação”, explicou Yonara Costa, líder do movimento Unidos pela Vacina em São Gonçalo e integrante do Grupo Mulheres do Brasil.

Em cinco anos, Águas do Rio irá investir mais de R$ 430 milhões em Queimados

Postado por aguasdorio em 26/ago/2021 - Sem Comentários

Companhia realizará melhorias nos serviços de água e esgoto

 

Representantes da Águas do Rio se reuniram na tarde desta quinta-feira (26/08) na secretaria de obras em Queimados, uma das cidades da Baixada Fluminense que contará com o serviço de água e esgoto sob a operação da nova concessionária.

Durante o encontro, a secretária de obras, Cristina Remann conversou com os diretores da Águas do Rio, Luiz Fernando Fabbriani e Vitor Hugo Gabriel sobre as 13 Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs) que estão sob a administração municipal e que podem vir a ser repassadas para a gestão da concessionária.

Águas do Rio em visita à estação de tratamento de esgoto

Acompanhada de funcionários da secretaria de obras, a equipe da Águas do Rio, formada por engenheiros, inclusive da área ambiental e pelo coordenador de operações, Malcom Bispo, realizou visitas técnicas nas ETEs e avaliou as estruturas e equipamentos das estações.

O diretor executivo, Vitor Gabriel, responsável pelas operações em Japeri, Queimados, Mesquita, Nilópolis e Nova Iguaçu disse que as informações serão incorporadas ao planejamento estratégico da companhia.

– Em conjunto com a prefeitura conhecemos melhor o estado de algumas estações. São unidades de pequeno porte, com vazões estimadas de até 30 litros por segundo. Há estações em operação, outras desativadas que precisam ser revitalizadas e uma em construção. Esse levantamento será estudado pelas nossas áreas de engenharia e operacional para definir quais serão incorporadas ao sistema de esgotamento sanitário que será implantado em Queimados – explicou Vitor Gabriel.

Somente nos cinco primeiros anos de concessão, a Águas do Rio vai investir R$ 439.266 milhões em Queimados, sendo 85% para a implantação do sistema de esgotamento sanitário no município.

 – Em nossa área de concessão, as cidades de Queimados e Japeri e um trecho de Nova Iguaçu têm influência na bacia do Rio Guandu, que é o principal rio de captação de água para abastecimento da Região Metropolitana do Rio. A nossa contribuição para a recuperação ambiental do Guandu vem justamente com o investimento em esgoto para a construção de redes e estações que vão coletar o esgoto e levar para as estações de tratamento, evitando que milhões de litros sem tratamento continuem sendo despejados nesse manancial – disse Fabbriani.

Águas do Rio faz doações para São Francisco de Itabapoana em auxílio a vacinação contra a Covid-19

Postado por aguasdorio em 24/ago/2021 - Sem Comentários

Empresa doou 155 itens para cidades do interior que fazem parte da área de concessão

 

Francimara Barbosa Lemos

São Francisco de Itabapoana é mais uma cidade contemplada pela Águas do Rio com auxílio de materiais visando contribuir com a vacinação contra a Covid-19. O município irá receber 3 geladeiras, 20 caixas térmicas com termômetro acoplado e 3 notebooks. Com isso, a concessionária soma, somente nesta semana, 155 itens doados para os municípios de São Francisco de Itabapoana, Cantagalo, Rio Bonito, Cachoeiras de Macacu, São Sebastião do Alto, Cambuci e Itaocara.

– Cuidar das pessoas faz parte da essência da nossa empresa. Queremos contribuir com a população viabilizando a campanha de vacinação com a doação desses materiais. Essa é a primeira de muitas ações que vamos desenvolver nas cidades onde iremos atuar – explicou o diretor superintendente Pedro Freitas, um dos responsáveis pelas operações nos municípios do interior do Estado.

A doação foi firmada entre os diretores da Águas do Rio responsáveis pelas operações nos municípios do interior do Estado, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, e a prefeita da cidade, Francimara Barbosa Lemos.

– A chegada da Águas do Rio em São Francisco de Itabapoana é sinal de mais crescimento para o nosso município. Esse material doado é essencial e fará toda a diferença no nosso esquema de vacinação, principalmente os computadores, que irão proporcionar mais agilidade na atualização dos dados da nossa cidade – avalia a prefeita.

Esta é mais uma iniciativa da Águas do Rio no Movimento Unidos Pela Vacina, em apoio às ações de imunização da população. Para José Carlos Almeida, diretor da Águas do Rio, água, saneamento e saúde caminham juntos e serão prioridades em todos os municípios de concessão.

– Muito além dos serviços essenciais de água e esgoto, nossa proposta também é pensar na sociedade. Garantir mais saúde e qualidade de vida para todos, especialmente em tempos de pandemia – reforça.

 

Águas do Rio irá investir R$ 33 milhões em Miracema, nos serviços de água e esgoto, em cinco anos

Postado por aguasdorio em 24/ago/2021 - Sem Comentários

Executivos da concessionária se encontraram com prefeito e secretariado

 

A Águas do Rio, companhia do grupo Aegea, responsável pelos serviços de água e esgoto em 27 municípios do

José Carlos Almeida, prefeito Clovinho Tostes e Pedro Freitas

estado, irá investir um total de R$ 33 milhões nos cinco primeiros anos de concessão somente na cidade de Miracema. As melhorias serão iniciadas assim que assumir a operação plena dos serviços. Nessa fase de transição, a empresa está acompanhando os serviços da Cedae e ajustando o planejamento estratégico.

Os diretores da Águas do Rio responsáveis pelas operações nos municípios do interior do estado, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, se reuniram com o prefeito de Miracema, Clovinho Tostes, e seu secretariado nesta sexta-feira (20), para alinharem as demandas e necessidades do município.

– Nosso planejamento operacional conta com visita de nossos engenheiros nas cidades da concessão para conhecerem o sistema de perto, sendo possível identificar quais são as intervenções mais urgentes para melhorarmos os serviços em curto prazo – explicou José Carlos Almeida, diretor executivo da Águas do Rio.

 Em conjunto com os investimentos em água e esgoto, a operação da Águas do Rio também engloba ações ambientais e sociais, como a ampliação da Tarifa Social, conforme explica Pedro Freitas, diretor superintendente da companhia.

– Com a chegada da Águas do Rio, as famílias de baixa renda serão contempladas com a ampliação da Tarifa Social. Atualmente, menos de 1% dos clientes são atendidos com este benefício, que chegará, no mínimo a 5% – ressaltou Pedro Freitas.

Geração de emprego e renda também são bandeiras da Águas do Rio. A concessionária já iniciou a contratação de cinco mil profissionais, privilegiando profissionais das cidades da área de concessão.  Os candidatos podem se inscrever no site aguasdorio.com.br, clicando em “Carreiras”, onde terão acesso ao material sobre a empresa e poderão inserir seus dados. As contratações irão ocorrer em três etapas.

Águas do Rio vai investir em torno de R$ 3,5 bilhões nos próximos 5 anos em municípios da Baixada Fluminense

Postado por aguasdorio em 24/ago/2021 - Sem Comentários

Melhorias no serviço de abastecimento de água e coleta e tratamento de esgoto

serão iniciadas com a operação plena dos serviços

 

A expectativa dos moradores da Baixada Fluminense é alta com a chegada da empresa Águas do Rio, que vai substituir a Cedae nos serviços de distribuição de água, coleta e tratamento de esgoto e relacionamento comercial com os clientes. A nova concessionária investirá R$ 3,4 bilhões, nos primeiros cinco anos de atuação nos nove municípios que estão em sua área de concessão (Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Magé, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados e São João de Meriti).

Somente as duas cidades mais populosas, Nova Iguaçu e Duque de Caxias, nos cinco primeiros anos, vão receber juntas R$ 1,5 bilhão para desenvolver o saneamento básico. Além disso, a concessionária vai impulsionar a economia local com a contratação de mão-de-obra – o processo de seleção já está aberto e as pessoas podem se inscrever pelo site aguasdorio.com.br – e a política de dar preferência a fornecedores regionais.

“Nosso foco é melhorar a qualidade de vida das pessoas, com o acesso a água e esgoto tratados. A reboque desses serviços, vamos contribuir com a preservação ambiental, com o desenvolvimento econômico das regiões e principalmente com a inclusão social, que traz mais dignidade e saúde para a população. Assumimos um importante desafio, que representa a oportunidade de protagonizar uma revolução no saneamento básico no estado”, diz o presidente da Águas do Rio, Alexandre Bianchini.

A empresa já assinou os contratos referentes aos blocos 1 e 4 com o Governo do Estado e está agora em uma fase de transição, em que a Águas do Rio acompanha de perto a operação dos sistemas de água e esgoto, ainda feito pela Cedae, para os ajustes finais no planejamento estratégico. Assim que iniciar a operação plena, a empresa começará a recuperação e melhoria da infraestrutura de saneamento básico existente.

Nesse período, a concessionária iniciará também a construção de coletores de esgoto ao redor da Baía de Guanabara, formando um “cinturão”, que vai evitar que milhões de litros de esgoto sem tratamento sejam despejados diariamente nesse ecossistema. E grande parte destas obras acontecerão na Baixada. Somente na implantação dos cinturões serão investidos R$ 2,7 bilhões nos próximos cinco anos, o que vai contribuir com a recuperação ambiental da baía e de toda atividade econômica que gira ao redor desse cartão postal do estado.

Outro foco da empresa é a recuperação ambiental da bacia do Rio Guandu. A Águas do Rio dará sua contribuição investindo R$ 645 milhões para a implantação dos sistemas de esgotamento sanitário em Japeri e Queimados e de cinturões em um trecho de Nova Iguaçu. Essas cidades impactam diretamente no Rio Guandu, de onde vem a água que abastece a maior parte da Região Metropolitana. O tratamento de água continua sob a responsabilidade da Cedae.

O superintendente responsável pela operação em Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu e Queimados, Luiz Fabbriani, disse que já está em campo levantando as prioridades dos municípios.

“Estamos em contato com prefeitos, secretários e lideranças comunitárias para conhecer melhor as principais necessidades de cada município da Baixada e alinhar as ações. Nessas cinco cidades investiremos ao longo da concessão R$ 4,5 bilhões, sendo R$ 2 bilhões nos primeiros cinco anos”, afirma Luiz Fabbriani.

O superintendente responsável pela operação nos municípios de Belford Roxo, Duque de Caxias, Magé e São João de Meriti, Cleyson Jacomini, destaca que a região vai receber R$ 5,7 bilhões durante os 35 anos de contrato da Águas do Rio.

“Temos compromissos com a população para universalizar os serviços de água e esgoto, como determina o Marco do Saneamento. Sabemos da urgência das pessoas que não têm um fornecimento contínuo de água e faremos tudo para transformar esta realidade o quanto antes”, comenta Cleyson Jacomini.

Investimentos diretos e pagamento de outorga – Os contratos com o Governo do Estado preveem investimento total de R$ 24,4 bilhões. Além disso, a empresa vai pagar o valor total de R$ 15,4 bilhões de outorga aos poderes concedentes (governo estadual e prefeituras). Na data da assinatura dos contratos foram repassados 65% deste valor; outros 15% serão depositados quando a Águas do Rio começar a operar os sistemas e os 20% restantes serão pagos ao final do terceiro ano de operação.

São Sebastião do Alto, Cambuci e Itaocara recebem doações para auxiliar na imunização contra a Covid-19

Postado por aguasdorio em 19/ago/2021 - Sem Comentários

As cidades foram contempladas com geladeiras, caixa térmica com termômetro e impressoras multifuncionais  

Representantes da Águas do Rio, concessionária que será a nova responsável pelos serviços de água e esgoto das cidades de São Sebastião do Alto, Cambuci e Itaocara, estiveram nos municípios na manhã desta quinta-feira (19) para assinar os termos de doação de insumos no enfrentamento à Covid-19. A ação faz parte do Movimento Unidos Pela Vacina, uma iniciativa que apoia o programa de vacinação contra a Covid-19 e é conduzido pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No total, foram doados 34 itens, como geladeiras, caixas térmicas, termômetros para os recipientes, computadores e impressoras multifuncionais. Todos os itens foram listados pelas próprias prefeituras, que apontaram suas necessidades específicas para o Unidos pela Vacina.

Durante a visita, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, diretores da Águas do Rio responsáveis pelas operações nos municípios do interior do Estado, reforçaram o empenho da empresa em proporcionar melhorias no dia a dia da população. “Estamos prontos para iniciar um novo ciclo nas cidades que serão operadas pela Águas do Rio. Muito além dos serviços de água e esgoto, queremos promover uma verdadeira revolução social, garantindo mais saúde e qualidade de vida para todos”, afirmou José Carlos Almeida.

Prefeito Alif da Silva e secretários receberam os diretores da Águas do Rio

A primeira cidade a receber os insumos foi São Sebastião do Alto. O município recebeu 5 caixas térmicas com termômetro acoplado, 2 impressoras multifuncionais e 3 notebooks, na presença da secretária de saúde, Claudiane dos Santos Pietrani Rodrigues.

Em Itaocara, o prefeito Geyves Maia Vieira participou da assinatura do termo de doação e destacou a importância da parceria entre o município e a Águas do Rio. No total, foram entregues 3 geladeiras, 10 termômetros para geladeiras, e 5 caixas térmicas com termômetro acoplado. “Este é o início de uma parceria que vai trazer cada vez mais desenvolvimento em prol da população de Itaocara”, afirmou.

Prefeito de Cambuci, Maxwell Veiga, assina termo de doação dos insumos para a campanha de vacinação

Os representantes da Águas do Rio, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, também estiveram em Cambuci, acompanhados do prefeito Maxwell Veiga Guimarães, da secretária de saúde Leidimar Atie e do presidente da câmara Murillo Defanti. A cidade foi contemplada com 6 caixas térmicas com termômetro acoplado para auxiliar no enfrentamento à Covid-19. “Cuidar das pessoas faz parte da essência da Aegea e a Águas do Rio já chega honrando esse compromisso. Por isso, nesta fase de operação assistida estamos contribuindo com a imunização contra a Covid-19”, declarou Pedro Freitas.

A Águas do Rio é uma concessionária da Aegea Saneamento, líder no setor privado de saneamento no país, e está comprometida em promover uma revolução no saneamento básico no Estado do Rio, garantindo a universalização dos serviços em 12 anos, com 99% da população com acesso a água tratada e 90% com coleta e tratamento de esgoto. Além de Rio Bonito, a empresa é a nova responsável pelos serviços de água e esgoto em Aperibé, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, Cantagalo, Cordeiro, Casimiro de Abreu, Duas Barras, Itaboraí, Itaocara, Magé, Maricá, Miracema, Saquarema (3° Distrito), São Gonçalo, São Francisco de Itabapoana, São Sebastião do Alto, Tanguá, Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados, São João de Meriti e Rio de Janeiro (Centro, Zonas Sul e Norte).

SOBRE O UNIDOS PELA VACINA

Criado a partir da iniciativa de Luiza Helena Trajano, presidente do Grupo Mulheres do Brasil, o Movimento Unidos Pela Vacina é apartidário e tem como objetivo tornar viável a vacinação de toda a população brasileira em idade adulta até setembro de 2021. Com esse propósito, mais de 4.000 pessoas entre artistas, cientistas, empresários e representantes de comunidades, entidades setoriais e da sociedade civil uniram-se à executiva e 90 mil voluntárias, potencializando suas forças e vozes em benefício da imunização da população. Mais informações em: https://www.unidospelavacina.org.

 

Investimentos de R$ 750 milhões em água e tratamento de esgoto para São Gonçalo

Postado por aguasdorio em 18/ago/2021 - Sem Comentários

Concessionária Águas do Rio vai iniciar operações na cidade ainda este ano

A cidade de São Gonçalo vai receber R$ 750 milhões em investimentos para tratamento de água e esgoto nos próximos cinco anos, por parte da concessionária Águas do Rio, uma empresa da Aegea Saneamento. A empresa vai começar a sua atuação na cidade ainda este ano, após o processo de transição das atividades e prestação de serviços da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae) para a concessionária. A Águas do Rio vai assumir as estações de tratamento e bases operacionais da Cedae, que foi privatizada.

O prefeito Capitão Nelson e o secretário de Gestão Integrada e Projetos Especiais, Douglas Ruas, receberam, nesta terça-feira (17), representantes da superintendência que vai assumir as atividades de tratamento de esgoto e distribuição de água em São Gonçalo; o diretor superintendente Sérgio Braga e o diretor executivo Rafael Fendrich. A mesma superintendência vai atuar também nas cidades de Itaboraí, Maricá, na ilha de Paquetá e no distritito de Jaconé, em Saquarema.

“Temos vários bairros que precisam ser atendidos, que ainda não têm abastecimento de água potável. É uma cobrança recorrente feita a mim pelos moradores de São Gonçalo”, disse o prefeito Capitão Nelson.

Os representantes da concessionária colocaram-se à disposição da Prefeitura para atuar em parceria com o município, dando celeridade às obras na cidade, acompanhando os investimentos em infraestrutura que vêm sendo feitos por parte do município, com urbanização e pavimentação. As intervenções da concessionária terão acompanhamento e fiscalização, envolvendo a Prefeitura de São Gonçalo e agências reguladoras para garantia dos investimentos na cidade.

“A cidade tem um passivo grande de ruas não pavimentadas e o município está finalizando um mapeamento atualizado dessas vias. A colaboração com a concessionária vai possibilitar ações integradas: assim que a empresa levar água e esgoto para uma determinada região, a prefeitura chega com a pavimentação”, destacou o secretário de Gestão Integrada e Projetos Especiais, Douglas Ruas.

Além da cobertura no tratamento de esgoto e abastecimento de água no município, a Águas do Rio pretende ter uma atuação voltada à área social, com criação de tarifas sociais para a população de baixa renda e programas de geração de renda a serem implantados futuramente em parceria com a Prefeitura.

“A primeira etapa é a regularização do abastecimento de água e, posteriormente, a expansão do serviço. Um trabalho comprometido com o meio ambiente, conduzindo corretamente o tratamento do esgoto e também na área social, com projetos em parceria com a Prefeitura que venham beneficiar a população mais vulnerável”, destacou o diretor superintendente Sérgio Braga.

Água e esgoto tratados

No dia 11 deste mês, o governo do Estado, 27 municípios fluminense e a concessionária Águas do Rio assinaram contrato para assumir os serviços de água e esgoto nestas cidades. São Gonçalo integra o bloco 1 dos municípios que serão atendidos pela concessionária Águas do Rio.

O objetivo é que nos próximos 12 anos sejam realizadas obras de saneamento básico em todo o Estado, garantindo a universalização dos serviços, com 99% da população com acesso a água tratada e 90% com coleta e tratamento de esgoto.

Baía de Guanabara

Outro objetivo da Águas do Rio é contribuir para a recuperação da Baía de Guanabara, investindo no tratamento de milhões de litros de esgoto sem tratamento despejados diariamente , através da construção de coletores de esgoto ao redor da baía, formando um “cinturão”. Serão investidos R$ 2,7 bilhões nos próximos cinco anos na instalação dos cinturões. A empresa também quer recuperar e ampliar a capacidade de processamento das Estações de Tratamentos de Esgoto existentes e, também, construir novas estações.

Fonte: Prefeitura de São Gonçalo Foto: Renan Otto

Águas do Rio apoia Rio Bonito no enfrentamento à Covid-19

Postado por aguasdorio em 18/ago/2021 - Sem Comentários

Concessionária doou geladeiras, termômetros e computadores para viabilizar vacinação. Iniciativa faz parte do Movimento Unidos Pela Vacina

A Águas do Rio aderiu ao Movimento Unidos Pela Vacina – iniciativa que apoia o programa de vacinação contra a Covid-19 conduzido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) – e amadrinhou o município de Rio Bonito com a doação de insumos para viabilizar as ações de imunização. A concessionária, nova responsável pelos serviços de água e esgoto da cidade, doou 16 geladeiras, 16 termômetros para geladeira, 40 termômetros para caixa térmica e 5 notebooks. Os itens, que apoiarão no armazenamento das doses da vacina e no cadastramento da população, foram listados pela própria prefeitura, que apontou suas necessidades específicas para o Unidos Pela Vacina.

O termo de doação foi assinado na manhã desta quarta-feira (18) pelos diretores da Águas do Rio responsáveis pelas operações nos municípios do interior do Estado, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, e pelo prefeito Leandro Pereira Netto. O encontro, na sede da prefeitura, contou com a participação do vice-prefeito, José Américo Silva Miranda, e da secretária de Saúde, Diana Albino. “Esta iniciativa reforça o nosso compromisso com a população, afinal, saneamento e saúde são áreas que caminham juntas. Iniciamos a operação assistida com a Cedae, mas já estamos prontos para assumir os serviços e promover uma verdadeira transformação na vida dos moradores de Rio Bonito”, reforçou Pedro Freitas, diretor superintendente da Águas do Rio.

A Águas do Rio é uma concessionária da Aegea Saneamento, líder no setor privado de saneamento no país, e está comprometida em promover uma revolução no saneamento básico no Estado do Rio, garantindo a universalização dos serviços em 12 anos, com 99% da população com acesso a água tratada e 90% com coleta e tratamento de esgoto. Além de Rio Bonito, a empresa é a nova responsável pelos serviços de água e esgoto em Aperibé, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, Cantagalo, Cordeiro, Casimiro de Abreu, Duas Barras, Itaboraí, Itaocara, Magé, Maricá, Miracema, Saquarema (3° Distrito), São Gonçalo, São Francisco de Itabapoana, São Sebastião do Alto, Tanguá, Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados, São João de Meriti e Rio de Janeiro (Centro, Zonas Sul e Norte).

Sobre o Unidos pela Vacina

Criado a partir da iniciativa de Luiza Helena Trajano, presidente do Grupo Mulheres do Brasil, o Movimento Unidos Pela Vacina é apartidário e tem como objetivo tornar viável a vacinação de toda a população brasileira em idade adulta até setembro de 2021. Com esse propósito, mais de 4.000 pessoas entre artistas, cientistas, empresários e representantes de comunidades, entidades setoriais e da sociedade civil uniram-se à executiva e 90 mil voluntárias, potencializando suas forças e vozes em benefício da imunização da população.

Mais informações em: https://www.unidospelavacina.org

Águas do Rio apoia Cantagalo e Cachoeiras de Macacu no enfrentamento à Covid-19

Postado por aguasdorio em 18/ago/2021 - Sem Comentários

Concessionária doou termômetros, computadores e caixas térmicas para viabilizar vacinação

A Águas do Rio aderiu ao Movimento Unidos Pela Vacina – iniciativa que apoia o programa de vacinação contra a Covid-19 conduzido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) – e doou insumos para viabilizar as ações de imunização em Cantagalo e Cachoeiras de Macacu. A concessionária, nova responsável pelos serviços de água e esgoto dessas cidades, doou diversos itens, entre caixas térmicas, termômetros para os recipientes, notebooks e impressora multifuncional. Os itens, que apoiarão no armazenamento das doses da vacina e no cadastramento da população, foram listados pelas próprias prefeituras, que apontaram suas necessidades específicas para o Unidos Pela Vacina.

Os termos de doação foram assinados na manhã de quarta-feira (18) pelos diretores da Águas do Rio responsáveis pelas operações nos municípios do interior do Estado, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, que se encontraram em cada cidade com os prefeitos e outros representantes municipais.

Em Cachoeiras de Macacu, foram entregues 8 caixas térmicas com termômetro acoplado, com capacidades para 20 e 5 litros, 4 notebooks e uma impressora multifuncional. A assinatura do termo de doação do material aconteceu na sede da prefeitura, com a participação do prefeito Rafael Miranda e do secretário de Saúde, Carlos Eduardo da Silva Aguiar. “Com essa doação, queremos apoiar a população no enfrentamento à pandemia. É uma forma de já iniciarmos nossa contribuição com a saúde e qualidade de vida da população das áreas de concessão”, comentou o diretor executivo, José Carlos Almeida.

Rafael Miranda e os diretores Pedro Freitas e José Carlos Almeida assinam o termo de doação de insumos em apoio ao combate à Covid-19

Já Cantagalo recebeu a doação de 3 caixas térmicas com termômetros acoplados e 2 notebooks. Os representantes da Águas do Rio, Pedro Freitas e José Carlos Almeida, estiveram com o prefeito Joaquim Augusto Carvalho de Paula, reforçando o mesmo compromisso feito aos outros municípios.

SOBRE O UNIDOS PELA VACINA

Criado a partir da iniciativa de Luiza Helena Trajano, presidente do Grupo Mulheres do Brasil, o Movimento Unidos Pela Vacina é apartidário e tem como objetivo tornar viável a vacinação de toda a população brasileira em idade adulta até setembro de 2021. Com esse propósito, mais de 4.000 pessoas entre artistas, cientistas, empresários e representantes de comunidades, entidades setoriais e da sociedade civil uniram-se à executiva e 90 mil voluntárias, potencializando suas forças e vozes em benefício da imunização da população. Mais informações em: https://www.unidospelavacina.org