Arquivo de agosto 31America/Sao_Paulo 2023

Águas do Rio leva atendimento personalizado para Barra de São João

Postado por aguasdorio em 31/ago/2023 - Sem Comentários

Ação feita em parceria com a Prefeitura de Casimiro de Abreu atendeu mais de 200 moradores do distrito

Centenas de moradores e comerciantes de Barra de São João, distrito de Casimiro de Abreu, participaram de mais uma edição do projeto Águas do Rio Com Você. A iniciativa, realizada pela concessionária em parceria com a prefeitura e outros apoiadores, levou serviços e muita diversão para o Centro de Esportes e Lazer do bairro Palmital. Na ocasião, funcionários da empresa prestaram atendimentos personalizados, como a troca de titularidade, negociação de débitos e inclusão na Tarifa Social. A ação contou ainda com exame oftalmológico gratuito e recreação infantil para mais de 200 pessoas.

“O evento foi muito proveitoso. Consegui resolver pendências da minha conta de água, enquanto meus filhos se divertiam nos brinquedos. Ainda levei uma muda de abacate para casa. Tudo isso no meu bairro, foi ótimo”, disse o coordenador de Esportes do município, Diego Souza.

Além dos atendimentos feitos pela Águas do Rio, a prefeitura ofereceu oficinas do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), distribuição de mudas de árvores nativas, além dos serviços do Núcleo de Assistência ao Cidadão (NAC), que realizou emissão de documentos como certidões de casamento e de nascimento.

“Esse momento é muito importante para estarmos próximos dos nossos clientes. Além de levarmos os atendimentos das lojas para perto dos moradores, conseguimos aliar diversão para a criançada e outros serviços importantes aos cidadãos, por meio de parcerias com o poder público e empresas locais”, afirmou a coordenadora de Responsabilidade Social, Simony Dias.

Alto da Boa Vista

Postado por aguasdorio em 31/ago/2023 - Sem Comentários

A Águas do Rio informa, nesta quinta-feira (31/08), que a distribuição de água tratada no Alto da Boa Vista, Zona Norte do Rio, se encontra comprometida em função do impacto das chuvas dos últimos dias em unidades de tratamento localizadas no interior do Parque Nacional da Tijuca e que contribuem para o abastecimento da região. É prevista a normalização do abastecimento no decorrer desta sexta-feira (01/09).

A Águas do Rio orienta clientes comerciais e residenciais com reserva em caixas d’água e cisternas a fazer o uso consciente da água, priorizando as atividades essenciais até a regularização do abastecimento, e reforça que segue à disposição através do 0800 195 0 195, disponível para ligações gratuitas e mensagens via WhatsApp, 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Itaocara

Postado por aguasdorio em 31/ago/2023 - Sem Comentários

A Águas do Rio informa que a distribuição de água tratada em Itaocara poderá ser comprometida, na próxima segunda-feira (04/09), em virtude de uma manutenção programada para ser realizada das 9h às 17h. Na ocasião, equipes da concessionária farão a interligação de reservatórios no município, visando melhorias estruturais.

Para minimizar o impacto no abastecimento, a empresa elaborou um plano de contingência com o uso de reservatórios adicionais. No entanto, a concessionária solicita aos moradores que mantenham caixas d’água cheias e adiem atividades de alto consumo no dia da manutenção.

  • Regiões afetadas: Cidade Nova, Cidade Seca, Cruzeiro, Eucalipto, Juca Rocha e Sardinha

A companhia agradece a compreensão de todos e ressalta que permanece à disposição para ligações e WhatsApp pelo número 0800 195 0 195.

Rio de Janeiro e Baixada Fluminense

Postado por aguasdorio em 31/ago/2023 - Sem Comentários

A Águas do Rio informa que o sistema de abastecimento em suas áreas de atuação na cidade do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense segue em processo de recuperação gradativa nesta quinta-feira (31/08). Às 4h17, o restabelecimento integral da produção na Estação de Tratamento de Água (ETA) Guandu, operada pela Cedae, completou 48 horas. Como o processo de normalização da distribuição de água é gradativo, a concessionária estima que, em até 72 horas, ou seja, até a madrugada desta sexta-feira (01/09), o fornecimento seja regularizado na maior parte das localidades impactadas.

  • Regiões afetadas: Centro e Zonas Norte e Sul do município do Rio de Janeiro e as cidades de Belford Roxo, Duque de Caxias, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados e São João de Meriti, na Baixada

Ocorrências na retomada do abastecimento afetam a distribuição

Em algumas regiões, contudo, o prazo para normalização da distribuição de água foi estendido até o próximo fim de semana, em virtude de ocorrências registradas neste período de retomada do abastecimento. Após uma longa paralisação do sistema, como ocorreu na segunda-feira, a possibilidade de vazamentos aumenta, devido à variação da pressão da água nas estruturas das redes de distribuição.

Na Capital Fluminense, a concessionária já identificou, até o momento, cinco vazamentos em sua área de atuação, sendo três com impactos no abastecimento e já devidamente reparados. Fora da área de concessão da Águas do Rio, também foi detectado um vazamento que afeta a distribuição de água em regiões sob responsabilidade da companhia. Ele ocorre em Gericinó, na Zona Oeste, e já está sendo tratado pela Rio+Saneamento, concessionária que atua na região.

Já em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, equipes da Águas do Rio precisaram realizar reparos na rede de distribuição do bairro São Mateus, na terça-feira (29/08), após a detecção de uma ocorrência.  O abastecimento no local e em bairros vizinhos, bem como em partes de Duque de Caxias, foi retomado nesta quarta-feira (30/08) e, também, será normalizado, de forma gradativa, até o fim de semana.

Regiões impactadas pelas ocorrências registradas:

  • Duque de Caxias: Parque Lafaiete, Vila Paula, Vila Meriti e Vila Amélia
  • Nilópolis: Cabral, Cabuís (I e II), Centro, Olinda, Da Mina, Frigorífico, Manoel Reis (I e II), Nossa Senhora de Fátima, Nossa Cidade, Novo Horizonte, Paiol, Santos Dumont e Tropical
  • Rio de Janeiro: Acari, Barros Filho, Benfica, Brás de Pina, Coelho Neto, Colégio, Costa Barros, Engenho da Rainha, Engenho de Dentro, Guadalupe, Irajá, Jacarezinho, Jardim América, Méier, Parada de Lucas, Pavuna, Parque Colúmbia, Penha, Penha Circular, Rio Comprido, Rocha Miranda, Santa Teresa, Vicente de Carvalho, Vigário Geral, Vila da Penha, Vila Kosmos e Vista Alegre
  • São João de Meriti: Éden, Eng. Belford, Centro, Vila Tiradentes, Vila Rosali, Jardim Meriti, Venda Velha, Parque Araruama, Tomazinho e Vilar Dos Teles

A Águas do Rio orienta clientes comerciais e residenciais com reserva em caixas d’água e cisternas a fazer o uso consciente da água, priorizando as atividades essenciais até a regularização do fornecimento, e reforça que segue à disposição através do 0800 195 0 195, disponível para ligações gratuitas e mensagens via WhatsApp, 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Águas do Rio promove ação com estudantes para marcar o Dia Mundial de Combate à Poluição

Postado por aguasdorio em 30/ago/2023 - Sem Comentários

Alunos do Ensino Médio participam de atividades educativas organizadas pela empresa

Com o objetivo de apresentar propostas educativas sobre a preservação do meio ambiente, a equipe de Responsabilidade Social da Águas do Rio esteve no Colégio Sonja Kill, no bairro da Saúde, Zona Portuária do Rio. Na ocasião, quando foi celebrado o Dia Mundial de Combate à Poluição, jovens do Ensino Médio da unidade particular tiveram a oportunidade de participar de roda de conversa sobre o tema e o compromisso firmado pela empresa desde que assumiu a concessão dos serviços de saneamento básico em 27 municípios fluminenses, em novembro de 2021.

“O bate-papo teve como norte a importância do saneamento básico e as iniciativas da empresa no combate à poluição, como o programa ‘De Olho no Óleo’, as ações de fiscalização de esgoto e outros projetos que contribuem para a despoluição da Baía de Guanabara e da Lagoa Rodrigo de Freitas”, disse Rodrigo Fernandes, analista de Responsabilidade Social da companhia.

Um dos exemplos citados por Rodrigo, o “De Olho no Óleo” foi lançado pela concessionária em junho e tem o intuito de sensibilizar a população sobre o descarte correto do resíduo. A empresa está com pontos de coleta na Zona Sul da capital para que as pessoas possam depositar o óleo de cozinha usado após armazená-lo em garrafas PET. Depois disso, a Águas do Rio encaminha o material para indústrias e cooperativas de produtos sustentáveis que produzem sabão e biodiesel.

 “O programa De Olho no Óleo chamou muito a atenção dos alunos, pois eles conseguiram relacionar o descarte incorreto com os prejuízos na rede de esgoto. Vi a preocupação da Águas do Rio com projetos de despoluição, pois existe uma associação que só o abastecimento de água e a coleta de esgoto fazem parte do saneamento básico, quando, na verdade, é muito mais que isso”, afirmou Bruno Barradas, professor de Física do colégio.

‘De Portas Abertas’ para os estudantes

Na segunda etapa da atividade, o programa “De Porta Abertas” recebeu os alunos na sede da empresa, no Centro do Rio, para uma conversa com profissionais que desenvolvem projetos importantes para a atuação da concessionária.

“Estamos trabalhando fortemente para a despoluição das praias e da Baía de Guanabara e na recuperação da Lagoa Rodrigo de Freitas. Essa troca com um público tão jovem fortalece a disseminação da informação e reforça a pauta ambiental para um futuro mais sustentável”, disse o coordenador de Operações, José Maria Vaz.

A roda de conversa teve também a participação da gerente de Meio Ambiente Caroline Santos, que citou cases de sucesso, e da gerente de Operações Lais Gomes, que apresentou aos estudantes o funcionamento do Centro de Operações Integradas.

Rio de Janeiro e Baixada Fluminense

Postado por aguasdorio em 30/ago/2023 - Sem Comentários

A Águas do Rio informa que o sistema de abastecimento em suas áreas de atuação na cidade do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense segue em processo de recuperação gradativa, na manhã desta quarta-feira (30/08), quase 32 horas após o restabelecimento total da operação na Estação de Tratamento de Água (ETA) Guandu, sob gestão da Cedae.

Como a produção de água tratada na unidade – paralisada no início da manhã de segunda-feira (28/08) – somente foi retomada, de forma integral, às 4h17 de terça-feira (29/08) e o processo de normalização da distribuição ocorre de forma gradativa, a estimativa da concessionária é que o fornecimento nas localidades impactadas seja regularizado em até 72 horas, ou seja, até a madrugada da próxima sexta-feira (01/09)

  • Regiões afetadas: Centro e Zonas Norte e Sul do município do Rio de Janeiro e as cidades de Belford Roxo, Duque de Caxias, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados e São João de Meriti, na Baixada Fluminense

Ocorrências pontuais

Vale destacar, contudo, que neste período de retorno do abastecimento, após uma longa paralisação do sistema, a possibilidade de vazamentos aumenta, em função da variação da pressão da água nas estruturas das redes de distribuição. Ocorrências como essas podem impactar diretamente o prazo de normalização do fornecimento em trechos pontuais de algumas localidades. Atenta à questão, a concessionária mobilizou seu efetivo operacional para dar tratativa a eventos que possam afetar o retorno do fornecimento.

No momento, equipes atuam no reparo de quatro vazamentos detectados na Zona Norte do Rio. Eles afetam a distribuição de água em partes de bairros da Capital e, também, do município de São João de Meriti, na Baixada. A previsão é que esses serviços sejam concluídos até quinta-feira (31/08), com o restabelecimento gradual da distribuição de água em até 48 horas, ou seja, até o próximo sábado (02/09).

Regiões impactadas pelas ocorrências registradas:

  • Rio de Janeiro: Acari, Barros Filho, Benfica, Brás de Pina, Coelho Neto, Colégio, Costa Barros, Engenho da Rainha, Engenho de Dentro, Guadalupe, Irajá, Jacarezinho, Jardim América, Méier, Parada de Lucas, Pavuna, Parque Colúmbia, Penha, Penha Circular, Rocha Miranda, Vicente de Carvalho, Vigário Geral, Vila da Penha, Vila Kosmos e Vista Alegre
  • São João De Meriti: Tomazinho, Éden, Centro, Vila Tiradentes, Vila Rosali, Jardim Meriti, Venda Velha, Parque Araruama, Vilar Dos Teles

Ainda no município de São João de Meriti, a Águas do Rio precisou reparar a rede de São Mateus nesta terça-feira (29/08). O abastecimento de água neste bairro e em Tomazinho, Vila Tiradentes, Vila Rosali, Eng. Belford, Centro, Jardim Meriti, Venda Velha, Vilar dos Teles e Parque Araruama, bem como em partes de Duque de Caxias, já foi retomado e será normalizado, gradativamente, até sábado (02/09).

A Águas do Rio orienta clientes comerciais e residenciais com reserva em caixas d’água e cisternas a fazer o uso consciente da água, priorizando as atividades essenciais neste período, e reforça que segue à disposição através do 0800 195 0 195, disponível para ligações gratuitas e mensagens via WhatsApp, 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Águas do Rio anuncia seleção para a segunda turma do Programa Jovem Aprendiz

Postado por aguasdorio em 30/ago/2023 - Sem Comentários

Empresa começa a escolher 55 pessoas para novo ciclo de formação profissional em projeto que prioriza a inclusão

Um problema de saúde vivido pela mãe levou a jovem Camile Batista Silva, de 19 anos, para a concorrida, e muitas vezes temida, busca pelo primeiro emprego. Perseverante, comunicativa e sonhadora, a moradora de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, integrou a primeira turma do Programa Jovem Aprendiz da Águas do Rio e vive momento mágico na recém-iniciada vida profissional: após um ano e sete meses na empresa, acaba de ser efetivada como assistente administrativa. A ascensão dela pode servir de inspiração para quem sonha ingressar no mercado de trabalho. Entre esta quarta e sexta-feira (30/8 e 1º/9), a empresa recebe as inscrições para o processo seletivo que definirá os 55 jovens da segunda turma do projeto. No primeiro grupo, dos 44 participantes, 31 deles foram contratados pela concessionária – ou seja, 70,4% de efetivação. 

A companhia esclarece que serão oferecidas oportunidades a quem tem entre 18 e 21 anos e Ensino Médio completo. Com a proposta de ser um programa inclusivo, o Jovem Aprendiz tem foco na contratação de moradores de comunidades. Para trabalhar e fazer um curso (em parceria com o Senai) durante seis horas por dia ao longo de dois anos, a empresa oferece salário de R$ 1.050 e benefícios, como vale-transporte, tíquete-refeição, vale-alimentação, planos de saúde e dental, além de seguro de vida. As inscrições poderão ser feitas, ao longo desses três dias e de forma on-line, pelo seguinte link: https://forms.office.com/r/Ck4LMSehh0k.    

“Em 2021, minha mãe, que é empregada doméstica, descolou a retina e fez duas cirurgias. Quando precisou da terceira operação, teve catarata e perdeu a visão de um olho. Naquele momento, vi que havia chegado a hora de ajudar minha família. Mandei currículo para a Águas do Rio, fui selecionada e hoje estou aqui: contratada!”, festejou Camile, que, em breve, pretende entrar na faculdade de Gestão de Recursos Humanos. 

O presidente da companhia, Alexandre Bianchini, falou sobre sua expectativa para a formação desta nova turma:

“A Águas do Rio entende que, além de cuidar do abastecimento de água e do esgotamento sanitário, é preciso criar oportunidades para os jovens iniciarem uma jornada profissional e dessa forma possam contribuir para um futuro melhor, especialmente para suas famílias e regiões onde vivem”, afirmou Bianchini.

As palavras dele se encaixam perfeitamente na realidade da mais nova contratada pela empresa. Camile conta que fica muito feliz por poder ajudar nas despesas da casa, especialmente quando chega o dia de fazer as compras do mês:

“Quando vou ao mercado, passo maquiagem e perfume. É um dia feliz! Trabalhar aqui tem me ensinado muitas coisas, pois isso me dedico bastante para crescer profissionalmente e continuar ajudando a melhorar o dia a dia da minha família e do lugar onde eu vivo”, concluiu a assistente administrativa.

Águas do Rio realiza mais de 4,3 mil manutenções em redes coletoras de esgoto da Baixada Fluminense

Postado por aguasdorio em 29/ago/2023 - Sem Comentários

Concessionária realiza serviços relacionados à desobstrução, reparo e manutenção para o pleno funcionamento do sistema

Mais de 4,3 mil serviços de manutenção na rede coletora de esgoto foram feitos pela Águas do Rio em cinco municípios da Baixada Fluminense nos primeiros seis meses deste ano. Com o objetivo de garantir o pleno funcionamento de sistemas de esgotamento sanitário, equipes da concessionária chegaram a esse número atuando em Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Belford Roxo, Queimados e Mesquita.

Segundo Márcio Pereira, supervisor de operações da empresa, essas ações evitam danos ao meio ambiente, transmissão de doenças, poluição de córregos, rios e mares, além de eventuais prejuízos a comerciantes e população.

“Temos um grande desafio, mas estamos avançando todos os dias para alcançarmos nossa meta de universalização dos serviços de esgotamento sanitário. O importante é que eles saibam que existe coleta e tratamento desse material”, ressaltou.

A população desses municípios já sente os benefícios desde o início da operação da concessionária, em novembro de 2021.

“Os funcionários da Águas do Rio estão sempre fazendo os consertos necessários. Achamos isso maravilhoso, pois agora somos atendidos. Moro aqui há muitos anos e só tinha visto esse tipo de atendimento uma única vez”, relatou Maria Elma Borges, de 53 anos, moradora do bairro Figueira, em Duque de Caxias.

Maria Elma é proprietária de fábrica de gesso na região e contou que faz sua parte na hora de realizar o descarte de materiais. Ela e sua equipe utilizam filtro em todos os ralos do imóvel para que os resíduos da produção não sejam descartados na rede coletora de esgoto.

“Nós sabemos que o produto que usamos pode acabar entupindo as redes de esgoto e as valas do nosso bairro. Com isso, estamos pensando no meio ambiente e em nossos vizinhos”, explicou.

Mais saúde e qualidade de vida

A manutenção do sistema de esgotamento sanitário existente traz impactos positivos no desenvolvimento da cidade, na saúde e qualidade de vida da população, que adoece menos. Os imóveis atendidos com rede de esgoto ganham ainda em valorização imobiliária.

Em Nova Iguaçu, o aposentado Adilson Belmiro, de 68 anos, acompanhou de perto o trabalho da Águas do Rio e ficou satisfeito com o serviço executado na rua em que reside, onde foram retiradas mais de quatro caçambas de lixo da rede de esgoto.

“O esgoto transbordou no meu portão e, assim que falei com a empresa, vieram resolver. A rede estava entupida, além do mau cheiro, os insetos e animais que transmitem doença estavam se acumulando, trazendo risco para os moradores. Fiquei muito satisfeito com o trabalho que realizaram”, comentou.

A Águas do Rio informa que vem realizando série de investimentos e intervenções no sistema de esgoto em sua área de concessão. Na Baixada Fluminense, desde o ano passado, a empresa também já reativou mais de 38 quilômetros de rede coletora, contemplando os seguintes bairros: Jardim Leal, Vila Centenário, Lagunas, Dourados, Figueira, Jardim 25 de Agosto e Gramacho (Duque de Caxias); Boa Esperança, Jardim Gláucia e Redentor (Belford Roxo); Vila Nova (Nova Iguaçu) e Banco de Areia (Mesquita).

Rio de Janeiro e Baixada Fluminense

Postado por aguasdorio em 29/ago/2023 - Sem Comentários

A Cedae informou que restabeleceu completamente a operação da Estação de Tratamento de Água (ETA) Guandu, sob sua gestão, às 4h17 desta terça-feira (29/08). Responsável pela produção de água tratada para 80% da Capital e Baixada Fluminense, a unidade estava com as atividades paralisadas, desde o início de segunda-feira (28/08), devido à detecção de grande volume de surfactantes (composto presente nos detergentes) no Rio Guandu.

Com a retomada da produção na estação de tratamento, o sistema de abastecimento entrou em processo de recuperação nas localidades impactadas, no entanto, a normalização da distribuição de água ocorre de forma gradual, e poderá levar até 72 horas para que o fornecimento seja integralmente restabelecido. Neste sentido, a Águas do Rio orienta clientes comerciais e residenciais com reserva em caixas d’água e cisternas a fazer o uso consciente da água, priorizando as atividades essenciais neste período.

  • Regiões afetadas: Centro e Zonas Norte e Sul do município do Rio de Janeiro e as cidades de Belford Roxo, Duque de Caxias, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados e São João de Meriti, na Baixada Fluminense

Vale destacar que, durante a retomada do fornecimento de água, após uma longa paralisação do sistema, como ocorrido nesta segunda-feira, a possibilidade de vazamentos nas redes e adutoras do sistema de distribuição aumenta, devido à variação da pressão da água nas tubulações. A concessionária está atenta à questão e já mobilizou suas equipes operacionais para efetuar eventuais reparos necessários.

A Águas do Rio segue à disposição através do 0800 195 0 195, disponível para ligações gratuitas e mensagens via WhatsApp, 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Sobre a retomada da ETA Guandu

Em comunicado, a Cedae informou que somente reiniciou a operação da ETA Guandu, após descartar, através do monitoramento e análises laboratoriais, a possibilidade de risco de alterações na qualidade da água tratada pela unidade. Segundo a companhia estadual, a água com surfactante não foi, em momento algum, distribuída à população. “Assim que foi constatada a presença do composto na água, a captação foi interrompida, e a água que já estava no interior da estação foi descartada”, frisou a estatal. O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), investigam a origem do descarte do material.

Miracema e Cordeiro recebem o projeto ‘Imagens que Transformam’

Postado por aguasdorio em 28/ago/2023 - Sem Comentários

Iniciativa tem o apoio do Instituto Aegea e da Águas do Rio e apresenta oficina de capacitação para professores da rede pública

O projeto educacional “Imagens que Transformam” chegou a Miracema, no Noroeste Fluminense, e na cidade serrana de Cordeiro. Com apoio do Instituto Aegea e da Águas do Rio, a primeira etapa da iniciativa foi marcada pela realização de oficina pedagógica para cerca de 20 professores da rede pública desses municípios, capacitando os participantes a desenvolverem com alunos campanhas de utilidade pública que incentivem atitudes positivas sobre a água.

“Acreditamos muito que a educação é a chave para transformar a vida de todos. Iniciar esse projeto nos municípios onde atuamos vem ao encontro do nosso propósito de movimentar vidas. Estamos trabalhando a conscientização por meio das crianças, que são o futuro e a mudança para um mundo cada vez melhor”, afirmou o diretor-superintendente da concessionária, Pedro Freitas. 

A iniciativa, que já havia passado por Itaboraí, na Região Metropolitana do Rio, utiliza a fotografia e a linguagem publicitária como meios de expressão e envolve alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, que terão suas produções submetidas a etapa de Votação Popular e Comissão Julgadora, para eleição das duas melhores campanhas de cada cidade. Na sequência acontecerá o Dia da Imagem, um workshop para os estudantes que reúne técnicas de fotografia e linguagem publicitária.

Os resultados poderão ser expostos em campanhas nas mídias (outdoors, jornais ou portais digitais) da cidade. Haverá ainda um e-book exclusivo para cada cidade e a publicação do livro “Imagens que Transformam” com as campanhas de todas as cidades participantes.

Professor miracemense de Ciências, Vitor Cyrino acredita que os estudantes vão gostar de participar do projeto, que, para ele, é uma oportunidade de deixar as aulas mais dinâmicas, com uma metodologia ativa e onde o aluno é o protagonista.

“A oficina foi muito boa. Trabalhamos o tema água, utilizando uma ferramenta que todos têm acesso. Tenho certeza que eles vão participar muito”, disse Vitor.

De acordo com a coordenadora do Departamento Pedagógico da Secretaria de Educação de Cordeiro, Bárbara Topini, a primeira etapa do programa foi concluída com êxito.

“Conquistamos os professores durante a oficina. Eles interagiram do início ao fim e, agora, vão implementar as atividades com os alunos. Tenho certeza que será um sucesso na nossa cidade”, disse Bárbara.

O projeto Imagens que Transformam é viabilizado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura e produzido pela Flamingo Comunicações. Oito cidades do país estão no roteiro de apresentação: Miracema (RJ), Cordeiro (RJ), Itaboraí (RJ), Barcarena (PA), Campo Grande (MS), Manaus (AM), Penha (SC) e São Francisco do Sul (SC).