Notícia

Ver notícia

Levantamento com georadar detalha o sistema de abastecimento para reduzir impactos de intervenções nas vias públicas

O subsolo da capital está passando por um “raio-x”. Com o uso de um georadar móvel, equipes da Águas do Rio mapeiam o sistema de abastecimento de água do centro e das zonas sul e norte da cidade. O equipamento capta dados e imagens subterrâneas por meio de ondas eletromagnéticas que identificam tubulações e válvulas. Com o mapa detalhado, a concessionária terá maior precisão na hora de atuar na manutenção, reparos ou obras de infraestrutura, minimizando o impacto das intervenções nas vias públicas.

“É cada vez mais significativa a importância da tecnologia nas empresas e isso não é diferente no setor de saneamento básico, com o aumento de investimento em dispositivos e ferramentas que tragam melhorias operacionais, minimizem perdas ou reduzam custos”, explica Félix Júnior Barros Messias, especialista do setor de modelagem hidráulica da Águas do Rio.

O georadar tem capacidade de detectar estruturas de todo tipo de material, como tubulações de plástico, metal e cimento, identificando redes a até quatro metros de profundidade.

Compartilhar:

Veja Também

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Contatos Saiba mais
Contatos

O serviço de atendimento da Águas do Rio funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Serviços Programados Saiba mais
Serviços Programados

DPIH DOH – HIDRANTES Saiba mais
DPIH DOH – HIDRANTES

DECLARAÇÃO DE POSSIBILIDADE DE INSTALAÇÃO DE HIDRANTE – DPIH e DECLARAÇÃO DE OPERAÇÃO DE HIDRANTE – DOH DESCRIÇÃO: A Declaração de Possib...