Notícia

Ver notícia

 Concessionária entrega à cidade Interceptor Oceânico funcionando em sua plena capacidade no aniversário de 52 anos da estrutura sanitária

 

No dia em que uma das maiores estruturas sanitárias do Rio de Janeiro, o Interceptor Oceânico, completa 52 anos de existência, a Águas do Rio finaliza a desobstrução desse ilustre ‘aniversariante’. O trabalho, que durou um ano, removeu 2 mil toneladas de resíduos do túnel de 9 km de extensão e que chega a ter 5,5 metros de diâmetro em alguns trechos, espaço suficiente para dois caminhões um do lado do outro.

O interceptor, que vai da Glória a Copacabana, é responsável por coletar o esgoto da maior parte da Zona Sul da capital e levá-lo para a Estação Elevatória Parafuso, que bombeia o efluente para o Emissário Submarino de Ipanema.

No trecho de Copacabana, que tem 2,4 km de extensão, a “faxina” foi inédita e levou nove meses para ser concluída. Somente nessa faixa foram retiradas 1,3 mil toneladas de resíduos acumulados por mais de meio século. Com a limpeza, o túnel passou a trabalhar com menores níveis de esgoto no seu interior, aumentando sua capacidade de escoamento e tornando os extravasamentos para o mar, em época de chuva, cada vez menos impactantes. A partir de agora, a estrutura receberá manutenções periódicas.

Sinval Andrade

“Pela primeira vez, em 52 anos, o Interceptor Oceânico está trabalhando com sua capacidade plena. Isso significa que todo o sistema de esgotamento sanitário da Zona Sul está mais baixo, correndo com fluidez e apto a receber mais esgoto”, explica o superintendente da Águas do Rio, com atuação na capita, Sinval Andrade. Ele lembra que a limpeza do coletor já deu resultados antes mesmo do seu término. “Como aumentamos a capacidade do túnel, ainda no ano passado, foi possível realizar o desvio contingencial do Rio Carioca para o interceptor, evitando o lançamento in natura de cerca de 300 l/s de esgoto na Praia do Flamengo todos os dias. O mesmo foi feito com os rios Berquó e Banana Podre, em Botafogo. A água ali teve níveis de balneabilidade inéditos. A melhoria no meio ambiente será cada vez mais visível”, afirma.

A concessionária também reformou a Elevatória de Esgoto Parafuso, na altura do Posto 5 em Copacabana, responsável por bombear o efluente trazido pelo Interceptor Oceânico para o Emissário de Ipanema. Além de instalar novos equipamentos, a empresa restabeleceu o tratamento de odores, acabando com o mau cheiro crônico que incomodava moradores, turistas e comerciantes da região.

Comemoração

Para comemorar os 52 anos do Interceptor Oceânico, a Águas do Rio fez uma festa simbólica, com direito a bolo, em sua pedra fundamental, localizada no Posto 6 da Praia de Copacabana.

Além da reforma do primeiro marco das obras do túnel, a concessionária instalou duas placas: uma de celebração à data e a segunda em homenagem às Associação de Moradores de Copacabana, que fazem um trabalho ativo nas ações de saneamento na região.

O convidado especial do evento foi Ronald Young, 84 anos. Ele esteve nas obras de alargamento e urbanização de Copacabana, no final da década de 60. Segundo o engenheiro, as obras do interceptor foram realizadas na faixa de areia alargada e cobertas pela urbanização.

Ronald Young

“Fiquei muito feliz e honrado com o convite para participar da comemoração dos 52 anos de uma das maiores obras de saneamento da cidade. A celebração acontece no marco de granito que registra a realização do empreendimento. Ele foi deixado no dia da inauguração da obra de alargamento e entrega das obras à população”, conta o engenheiro.

Ronald recebeu uma placa comemorativa, registrando a importância da sua participação na história do Interceptor Oceânico. Ela foi entregue por Carlos Augusto Pessôa, engenheiro da Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro – Agenersa.

 

Compartilhar:

Veja Também

Contatos Saiba mais
Contatos

O serviço de atendimento da Águas do Rio funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Comunicados Saiba mais
Comunicados

Fique por dentro do que acontece na Águas do Rio com informações sobre abastecimento, obras, programas, projetos e muito mais.

DDF e DA – Declaração de Conexão Saiba mais
DDF e DA – Declaração de Conexão

DECLARAÇÃO DE ABASTECIMENTO – DA e DECLARAÇÃO DE DESTINO FINAL – DDF DESCRIÇÃO: A Declaração de Abastecimento tem o objetivo de certifica...

Projeto “Ação Gonçalo” leva educação, cidadania e empreendedorismo sustentável para população da cidade Saiba mais
Projeto “Ação Gonçalo” leva educação, cidadania e empreendedorismo sustentável para população da cidade

Moradores aproveitam atividades gratuitas neste sábado (4), no Barro Vermelho Com muita animação e atividades gratuitas, a população gonç...