Notícia

Ver notícia

Durante o mês da Consciência Negra, colaboradores participam de rodas de conversa sobre o tema

 No mês da Consciência Negra, a Águas do Rio reforça o compromisso com as ações afirmativas que desenvolve ao longo do ano. Por meio do programa “Respeito dá o Tom”, criado em 2017, a concessionária está realizando uma série de debates nas bases operacionais localizadas na Baixada Fluminense.

O analista comercial Guilherme Santana, de 28 anos, é um dos participantes do programa e abriu as rodas de conversa no município de Queimados, onde mora. O funcionário agrega a vivência diária ao que aprendeu na faculdade de História para embasar o discurso pautado pela busca da equidade.

“Não podemos fechar os olhos para a desigualdade racial em nosso país, precisamos debater e combater. Hoje, eu me sinto peça fundamental na mudança que eu desejo para a sociedade. Desde que cheguei na empresa, pude agregar o conhecimento que tenho com o programa ‘Respeito dá o Tom’, em busca da construção de um futuro mais inclusivo”, comentou.

Na Águas do Rio, o último recenseamento interno realizado pelo RH reflete o compromisso de reduzir as desigualdades:  70% dos 8 mil funcionários da empresa se autodeclaram pretos ou pardos. O diretor-superintendente, Luiz Fabbriani, explica que, até 2030, a missão é aumentar a representatividade de talentos negros em cargos de liderança, dos atuais 17% para 27% em todas as concessionárias de saneamento que integram a holding Aegea.

“Não é só uma ação corporativa, é cidadania e reparação histórica. Não buscamos apenas levar emprego, mas estamos empenhados em oferecer oportunidades reais de crescimento. Queremos transformar vidas levando saneamento básico e contribuir na construção de uma sociedade mais justa”, enfatizou.

Quando o assunto é liderança feminina negra, o desafio é ainda maior. Este é o caso de Ana Carolina Alegario, supervisora comercial da Águas do Rio, que reconhece a mudança de percepção da vida a partir do contato com o comitê do Respeito dá o Tom.

“Fazer parte do comitê me trouxe um sentimento de aquilombamento moderno porque temos um espaço de troca muito potente. Eu sou uma uma mulher negra, que supervisiona equipes compostas majoritariamente por homens e me sinto cada dia mais fortalecida para expandir o conhecimento que a gente adquire aqui dentro”, ressaltou Ana.

Mais sobre o ‘Respeito Dá O Tom
Programa criado pela Aegea Saneamento em 2017, o “Respeito Dá O Tom” tem a missão de promover a equidade nas oportunidades de acesso, crescimento e desenvolvimento da população negra em todas as concessionárias que integram a holding, caso da Águas do Rio. A iniciativa foi reconhecida pelo Instituto Identidades do Brasil (ID_BR) como um dos principais programas de igualdade racial do país, sendo certificado com o Selo “Sim à Igualdade Racial”.

Compartilhar:

Veja Também

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Serviços Programados Saiba mais
Serviços Programados

Projeto “Ação Gonçalo” leva educação, cidadania e empreendedorismo sustentável para população da cidade Saiba mais
Projeto “Ação Gonçalo” leva educação, cidadania e empreendedorismo sustentável para população da cidade

Moradores aproveitam atividades gratuitas neste sábado (4), no Barro Vermelho Com muita animação e atividades gratuitas, a população gonç...

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas do Rio e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.